O que é flipped classroom e quais as suas vantagens?

tablet, celular, computador e sala de aula simbolizando a flipped classromConsolidada no mercado devido à flexibilidade, a educação a distância (EAD) se adapta a diferentes necessidades. De plataformas para computadores a aplicativos para smartphones, o e-learning funciona até mesmo em conjunto com a modalidade presencial. É o caso da flipped classroom (sala de aula invertida).

Esse formato misto de EAD com presencial é popular nas instituições de ensino superior. Mas também é capaz de atender às demandas de treinamento das empresas, como você vai ver neste artigo.

O que é flipped classroom?

Sala de aula invertida é uma metodologia de ensino em que os alunos estudam a parte teórica a distância e realizam a prática presencialmente com ajuda de um professor ou tutor.

A etapa a distância pode usar recursos multimídia, como videoaulas, jogos educativos e e-books, a serem estudados de acordo com a conveniência dos alunos. Uma vez na sala de aula, estes se dedicam a tirar dúvidas e resolver problemas relacionados à matéria.

Um dos diferenciais da metodologia é a aprendizagem ativa. O aluno toma a iniciativa em todos os estágios ao invés de só ouvir passivamente o professor.

Flipped classroom vs. Blended learning

Embora sejam tratados como sinônimos por alguns, estes são conceitos diferentes. Deve-se entender as diferenças entre essas metodologias para evitar problemas, como a criação de expectativas fora de contexto.

Blended learning é a combinação de aulas presenciais com on-line, sem que uma substitua a outra. Assim, o aluno continua assistindo passivamente ao professor, como já é de praxe, só que também realiza aulas e exercícios a distância.

Enquanto a flipped classroom dispensa a técnica tradicional, o blended learning a combina com recursos de EAD.

Vantagens da flipped classroom

Entendidos o conceito de sala de aula invertida e sua diferença para o blended learning, veja como essa metodologia pode ser útil para você em seu projeto de e-learning corporativo.

Melhoria do desempenho dos alunos

O que diz a meta-análise de 225 estudos sobre os benefícios da sala de aula invertida? Comprova a eficiência do formato por meio de dois indicadores: aprovação e nota final nos cursos.

  • Alunos matriculados em aulas tradicionais têm 1,5 mais chance de reprovação que aqueles em flipped classroom.
  • Os que estudam com essa metodologia inovadora obtiveram notas 6% maiores que aqueles no método comum.

Isso significa que a aplicação das técnicas de flipped classroom melhora as notas e aumenta as aprovações, o que impulsiona a carreira do profissional.

Também se notam outros pontos positivos. A sala de aula invertida:

  • Aprimora a interação entre alunos e professores.
  • Torna os alunos responsáveis pelo próprio aprendizado.
  • Possibilita aos alunos estudarem da maneira mais conveniente.

Flexibilidade de acesso ao conteúdo

Hoje em dia, é comum participarmos de um treinamento presencial e, ao chegarmos em casa, por conta própria, pesquisarmos mais sobre o assunto no YouTube ou Google.

E se o próprio professor indicasse materiais em diferentes formatos para nos aprofundarmos como quiséssemos? Você acharia melhor, certo? Os profissionais da sua empresa também!

Estes são alguns dos benefícios da sala de aula invertida quanto ao formato do conteúdo EAD:

  • Variedade de formatos: videoaula, e-book, game, artigo, etc.
  • Disponibilidade permanente: acesso livre em qualquer momento.
  • Flexibilidade na navegação: pode pausar, voltar, etc., quando quiser.

Importante destacar que a inclusão de conteúdo EAD na flipped classroom não consiste na mera substituição do professor por uma tela. Mas a valorização do tempo de todos, afinal o mestre ajuda na parte mais crítica da construção de conhecimento: a prática com feedback e orientações.

Outro ponto vantajoso da aprendizagem ativa é o combate à distração. Calcula-se que o ser humano só consegue prestar a atenção em algo por 8 segundos, em média.

Por isso a flexibilidade de acesso ao conteúdo é benéfica tanto para a empresa quanto para o aluno. Tendo controle sobre como vai estudar e, melhor ainda, a possibilidade de escolher o formato que mais interessar, o profissional tende a prestar mais atenção e absorver melhor as informações.

A parte presencial do treinamento, cujo foco é em atividades práticas, consolida essa jornada em que a falta de atenção deixa de ser o problema.

Vale a pena a sala de aula invertida nas empresas?

Vale a pena experimentar a sala de aula invertida em treinamentos corporativos. O ambiente da sala de aula invertida propicia uma experiência praticamente igual à da realidade de trabalho. Já o método tradicional cria uma distância, afinal o que um professor só falando tem a ver com a rotina agitada da empresa?

Há profundas semelhanças entre a sala de aula invertida e o trabalho, pois o fluxo de uma demanda típica na empresa consiste em receber a instrução por e-mail, discuti-la com os colegas e executar a tarefa em equipe sob a supervisão de um superior.

Na flipped classroom, os alunos recebem o material, o estudam e depois aplicam com a ajuda do professor.

Se ainda existe receito para implantar esse método ao seu projeto de capacitação e treinamento, lembre-se de como os colaboradores o aceitarão com naturalidade, devido às semelhanças citadas.

Sair na frente inovando é a melhor maneira de manter um alto nível de competitividade no mercado!

Imagem via Freepik

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *