Modelo de aprendizagem 70:20:10 aplicado à EAD, por que não?

Embora aprender algo novo seja prazeroso, boa parte do que aprendemos não é por diversão, mas para resolver problemas. Nesse sentido, o conhecimento só tem valor quando aplicado e desenvolvido na prática. Daí é uma boa ideia apostar no modelo de aprendizagem 70:20:10 aplicado à educação a distância.

Sobrecarregado de informações para processar, o cérebro humano gerencia a memória descartando o que não tem valor prático. Por isso, é natural esquecermos o que não usamos.

Ou você se lembra de absolutamente tudo o que aprendeu na escola?

Para aperfeiçoar sua universidade virtual com o modelo 70:20:10, o primeiro passo é entender melhor esse conceito.

profissional escalando montanha em alusão ao modelo de aprendizagem 70:20:10

O que é o modelo de aprendizagem 70:20:10?

Trata-se de um conceito criado por estudiosos no Centre for Creative Leadership, uma comunidade global voltada à inovação.

A abordagem 70:20:10 diz que na aquisição de conhecimento, predomina a educação informal, seguida da troca de experiências e, por fim, cursos. Eis a divisão de como aprendemos:

  • 70% praticando e realizando tarefas.
  • 20% trocando ideias e observando os outros.
  • 10% estudando em cursos formais.

Partindo da premissa de que a maior parte da aprendizagem se dá na prática, é possível otimizar sua universidade virtual. Os resultados incluem melhorias no clima organizacional e nos processos da empresa.

Modelo 70:20:10 aplicado à EAD

Há pelo menos duas maneiras de melhorar o seu projeto de EAD seguindo essa abordagem. Você pode otimizar o conteúdo ou empregar os princípios do modelo 70:20:10 na universidade virtual. Veja como!

Microlearning para treinamentos rápidos

Como apenas 10% do processo de aprendizagem depende de cursos formais, a ideia é realizar treinamentos curtos.

Para tanto, o formato microlearning atende perfeitamente. Trata-se de conteúdo educativo distribuído em doses fáceis de absorver no dia a dia. Alguns exemplos: videoaulas, quizzes, pílulas de conteúdo e tutoriais.

Imagine uma videoaula de 5 a 10 minutos ensinando uma técnica de venda específica para abordar clientes por telefone.

É um material curto e objetivo, que visa desenvolver uma habilidade por vez. Assim, segue a premissa do 70:20:10, pois o profissional recebe a orientação rapidamente e vai desenvolvê-la na prática, inclusive trocando ideia com os colegas, ao vivo e na plataforma de EAD.

Blended Learning para combinar teoria e prática

Esse formato que combina as modalidades a distância e presencial representa 9% do total de cursos EAD, segundo o Panorama do Treinamento no Brasil.

Uma das razões é o fato de deixar bem clara a divisão entre as partes teórica e prática do treinamento. Funciona assim: os alunos estudam on-line os materiais mais densos e praticam em um ambiente presencial com orientação de um tutor.

O blended learning incorpora as características da abordagem 70:20:10 porque a maior parte da carga horária pode ser dedicada a atividades práticas e troca de experiências. E isso vale tanto para o momento presencial quanto para o on-line, já que a plataforma de e-learning tem fóruns e grupos colaborativos.

Outra vantagem é fato de as publicações dos alunos ficarem arquivadas no ambiente on-line. Desse modo, outros participantes podem aprender com as ideias compartilhadas pelos colegas e consultá-las sempre que quiserem.

Note que, nesse caso, é como se você pegasse aqueles 10% dedicados a cursos e implementasse o modelo de aprendizagem 70:20:10 dentro dele. Sua universidade virtual literalmente absorve as características dessa abordagem.

Inovando na educação corporativa

Um dos principais desafios das empresas que empregam EAD é a inovação em abordagens pedagógicas, de acordo com o Censo EAD 2016. Sendo assim, as organizações estão investindo para engajar os alunos e reduzir a evasão por meio de conteúdo interessante.

Nesse contexto, a Andragogia está ganhando espaço, visto que propõe metodologias para educar adultos de uma maneira diferente da tradicional.

O 70:20:10 está em harmonia com essa tendência, porque assim como a Andragogia, propõe um modelo de ensino baseado na vida de um adulto típico. Amarrando isso tudo, está a EAD, que devido à flexibilidade, possibilita ao profissional ter uma experiência de aprendizagem adaptada à realidade dele.

Então vale a pena inovar com o modelo de aprendizagem 70:20:10 no seu projeto de EAD!

Caso precise de ajuda, procure pelo gerente de projetos responsável pelos treinamentos on-line da sua empresa. Ele poderá orientar você na implementação dessa metodologia na sua universidade virtual.

Imagem via Freepik

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *